Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2017

Flashback: Ciclo menstrual, atrasos e sintomas

Quem planeia engravidar, convém conhecer os ciclos menstruais. Conhecer especialmente o próprio ciclo menstrual, mas conhecer no geral já é muito bom. Porque senão, não faz ideia de que engravidou e ainda vai parar ao hospital com uma crise de coluna/rins/intestinos e sai de lá com um bebé. Claro que este último exemplo é bastante extremista, mas possível de acontecer a quem não conhece o corpo. Ora vamos por partes. Primeiro, o ciclo menstrual. Podem pesquisar esta informação em variados sítios mais credíveis, mas aqui vai um resumo. O primeiro dia de ciclo começa a contar a partir do primeiro dia de menstruação (fluxo forte). Depois, começa a amadurecer um, ou vários, folículos que vão libertar o óvulo. O endométrio (revestimento do útero) começa a espessar para acolher o embrião. Esta é a chamada fase folicular. Aproximadamente 14 dias após o início da menstruação, o óvulo vai ser libertado, a chamada ovulação. Aqui é o período crítico para se engravidar, pois após a ovulação, o óvulo…

50%

E hoje começo as 20 semanas. Significa que vou a meio caminho. Como é que o tempo passou tão depressa? Amanhã ecografia morfológica, consulta com a médica na semana seguinte, tudo se encontra encaminhado. Outro assunto, reparei agora que tinha os comentários bloqueados ao público geral, precisavam de ter conta para comentar. A partir de agora é livre (e sim, estou preparada para o spam). See ya

Rant: Não escrever com pontuação

Chamem-me o que quiserem, mas se há coisas que odeio é quem não sabe escrever. Erros, todos nós cometemos (e estou à espera que vocês apontem algum que eu tenha cometido) alguns mais graves outros compreensíveis, mas o que não suporto mesmo são pessoas que escrevem como falam. E não estou a referir-me a usar expressões do dia-a-dia na internet, longe disso. Estou a falar daquelas pessoas que escrevem um texto todo numa tirada, sem usar uma única virgula, um único ponto final. Já nem falo em pontos de exclamação! (Viram o que eu fiz aqui? Eheh). Vejam o seguinte exemplo inventado por mim, mas baseado em muitos exemplos reais que eu tenho lido “Ai por favor ajudem-me é assim tomei a ultima pilula no dia x e depois tive relações não protegidas nos dias y e z mas agora não sei se estou gravida ou não porque na semana passada tive um corrimento estranho ainda estive a ver se seria nidação ou não mas disseram que não devia ser e para esperar fiz teste e deu negativo mas esta semana voltou a a…

Ginásio

Quando pensei em engravidar, uma das mil coisas que me passou pela cabeça foi o que fazer com o ginásio (sim, eu sofro muito por antecipação, então tenho tendência de pensar em demasia sobre coisas de maior ou menor importância). Desengane-se quem pensa que eu sou uma daquelas maluquinhas do ginásio (longe disso), mas uma das decisões que tomámos quando fomos viver juntos, foi frequentar um ginásio, não só para combater os quilinhos a mais (muito culpa também dos doces que entretanto aprendi a fazer e que ambos gostamos de comer) mas também porque tínhamos a consciência que tínhamos estilos de vida muito sedentários. Começámos por frequentar o ginásio naquela parte das máquinas, mas depressa nos apercebemos que o que gostávamos mesmo eram das aulas de grupo: BodyAttack e BodyCombat para os dois, eu pessoalmente também BodyBalance e frequentei uma ou duas aulas de Pilates. Mas, e se engravidasse, como iria ser? Nada como uma boa pesquisa na net para apalpar terreno e ter uma ideia do que …

Flashback: Consulta pré-concepcional, parte II – Centro de Saúde

Ora bem, recapitulando a história anterior, decidimos engravidar à GO Privado à 80€ em consulta, ecografia e citologia à Ainda queriam que eu gastasse 350€ em análises. (Agora a sério, cliquem aqui para ler a parte I ) Vocês ainda não sabem, mas eu sou muito forreta. Custa-me gastar dinheiro, principalmente quando acho que é mal gasto, ou tenho opções mais baratas. Fiz a concessão de ir ao GO privado pois tenho plano de saúde e porque me diziam que era o melhor a fazer, mas a história das análises…..uiui. Tempo de tomar uma decisão: a) gastava esse dinheiro todo? ; b) não as fazia e fosse o que deus quiser?; ou c) inscrevia-me no Centro de Saúde. A opção b estava fora dos planos. Que tipo de hipócrita seria eu se após tanto tempo a pregar a importância de saber se estava tudo bem ANTES de engravidar, eu fosse simplesmente saltar este passo. Mas também não me estava a apetecer gastar aquele dinheiro todo, especialmente sem saber primeiro se conseguia fazer o mesmo, por um preço melhor. Ent…

Flashback: Consulta pré-concepcional, parte I – GO Privado

Quando alguém diz que pensa engravidar, uma das primeiras coisas que perguntam (além de “estás maluca?”) é “já foste ao médico?”. Pois, gravidez não é doença, mas há certos cuidados a ter, e se nos prepararmos bem, maiores as chances de tudo correr pelo melhor. E em Portugal, o nível de cuidados pré-natais é bem elevado e capaz de pôr muito país a um cantinho. Pois, isto entra em conflito com algo meu que é, nunca ir ao médico. Muito sinceramente já há uns 10 anos que não ia a uma consulta. Médico de família era coisa que não tinha (e sinceramente continuo sem ter), aliás, como mudei de casa, nem estava inscrita no centro de saúde da minha área de residência. Outro pecado que cometi, era nunca ter ido a um ginecologista, portanto, não, também não tinha GO privado. Tive de começar tudo do zero. Primeira decisão, a que médico ir. Aproveitei e já que tenho plano de saúde (diferente de seguro, basicamente tenho acesso a médicos do privado a preços mais bonitos) decidi ir a um GO. Não tinha …

Fóruns, Apps e Sites

Fazer um filho é fácil né? Afinal, montes de pessoas os fazem assim mesmo sem querer. Ainda por cima tive bastante formação na parte da biologia, portanto sei tudo o que há a saber, certo? Errado! Há tanta coisa que não sabemos que até nos envergonhamos de perguntar. Ou pelo menos eu senti essa dificuldade. Para piorar, não contei a ninguém que ia começar a tentar (sim, verbo que passei a utilizar com bastante frequência no último ano) portanto não podia propriamente chegar ao pé da minha mãe e tirar dúvidas.
“Mas que dúvidas podes tu ter, oh mulher de Deus?!” perguntam vocês. Pois, eu sei o que é preciso para se fazer um filho, mas então para fazer um filho COMO DEVE SER? Estão a ver, tipo consultas antes, exames, esse tipo de coisas. Ah pois é. Mas não é sobre isso que venho falar hoje (fica para a próxima). Hoje venho falar sobre a ajuda que eu recebi, a internet. Há imensos sites, fóruns, blogs que falam sobre este assunto, portanto informação é coisas que não falta. Agora, é ter cui…

Flashback: Como nos decidimos a ter um filho

Ter um filho é uma grande mudança na vida de um casal, e é um daqueles assuntos que deve ser bem discutido durante o relacionamento, para se perceber se o casal está em sintonia.
Pois bem, o meu namorado é 4 anos mais velho, estava quase a fazer os 30 quando começámos a namorar. Segundo ele, a idade de ter juízo. Penso que foi daquelas situações em que ao primeiro beijo começou logo a imaginar o resto da nossa vida juntos. Eu, pelo contrário, estava mais numa onda de "curtes" e muito sinceramente, esses planos a longo prazo assustaram-me e pus os pontos nos i's: aquilo eram só uns amassos, nada de sério ia sair dali.
O que me vale é que ele não desistiu. Continuámos a falar (afinal, já nos conhecíamos há alguns anos) e pouquinho a pouquinho ele lá se foi entranhando na minha vida. Ainda hoje gozamos a dizer que ele me engatou com livros (emprestou-me uns livros para eu ler xD ). Lembro-me de falar sobre isso com uma amiga minha e ela dizer que nós os dois falávamos mais…

Uma Nova Aventura

Pois é, como a vida não é feita só de trabalho, decidi investir mais na minha vida pessoal e eis que me encontro grávida de 17 semanas.
Tomámos a decisão em Agosto do ano passado e agora, passado quase um ano, fui desafiada por pessoas com quem convivo online a contar as minha (pseudo)aventuras.
A ideia é escrever 3 tipos de posts: Flashbacks, a contar as coisas que me foram acontecendo ao longo destes meses (já tenho pelo menos uns 10 tópicos em mente); Rants, basicamente desopilar sobre qualquer coisa que me venha à cabeça; E Real Time, pois estou a contar que ainda me aconteçam coisas.
E pronto, vamos a ver no que isto vai dar. See yah